fbpx

O que são os grupos comunitários do “Brincar de Rua”?

O Grupo Comunitário do Brincar é um grupo de crianças (máximo 15) que vivem na mesma zona ou frequentam a escola dessa zona. O grupo é monitorizado por, pelo menos, 2 Guardiões do Brincar (voluntários) que garantem a segurança do grupo e gerem todo o processo, enquanto as crianças brincam.

Mas afinal, brincam ao quê? É simples:

Aqui damos oportunidade às crianças de conhecer a natureza. De descobrir que há diferentes espécies de caracóis e uns são mais rápidos que outros. Que as borboletas são nossas amigas e o seu tempo de vida é curto, mas feliz. Que com um giz se desenham percursos e inventam brincadeiras de rua ao sabor da imaginação de cada criança. Que uma corda pode virar um baloiço preso a uma árvore. Que pais podem construir casas de joaninhas ou esconderijos secretos. Que cartões podem transformar-se em robots, telemóveis ou foguetões. Que madeiras podem dar asas a casas com piscina, bonecas, bancas de cozinha… que, de repente, qualquer coisa pode ser tudo, se deixarmos que surja a partir da imaginação e criatividade da criança, sem imposições dos crescidos.

 

Os nossos Brincadores


“Inscrevi a Sofia no Brincar de Rua porque a Sofia saía da escola, metia-se em casa e não tinha sítio para brincar a não ser entre 4 paredes. E superou a minha expetativa: a Sofia saía extasiada das sessões. Descobriu brincadeiras que não conhecia como o elástico e pintar com giz no chão era um máximo. E foi notório em questões do desenvolvimento dela, na capacidade de brincar e se relacionar com outras crianças … Para o desenvolvimento deles como crianças, brincar na rua é essencial.”

Ana Azevedo, mãe da Sofia

Grupo Comunitário do Brincar


 

Brincar na rua, mas onde? Na “Zona do Brincar”, claro…

O Grupo Comunitário do Brincar reúne todas as semanas para desfrutar da brincadeira livre. Queremos criar rotinas de brincar na rua nos bairros ou perto da escola. O grupo reúne sempre no mesmo local, dia da semana e horário, definido pelos Guardiões do Brincar que integram esse grupo.

 

Ao local onde se brinca, chamamos “Zona do Brincar”. Este é um local avaliado e validado pelos Guardiões do Brincar e por nós, Ludotempo em parceria com a PSP local. Chegou a hora de saber onde estamos a brincar de rua. Vamos a isso?

GRUPO COMUNITÁRIO SANTA CLARA, Parceiros, Leiria | SÁBADOS

O Grupo Comunitário do Brincar reúne todas as semanas para desfrutar da brincadeira livre. Queremos criar rotinas de brincar na rua nos bairros ou perto da escola. O grupo reúne sempre no mesmo local, dia da semana e horário, definido pelos Guardiões do Brincar que integram esse grupo.

 

GRUPO COMUNITÁRIO PARQUE VERDE DA VÁRZEA, Torres Vedras | QUARTAS

A Acsa, o Miguel, a Laura, a Beatriz e o Nuno são os brincadores que tomaram o Parque Verde da Várzea para fazer das suas e, uma vez por semana, brincam ao sabor da sua imaginação até mais não durante duas horas: saltar, desenhar com giz ou correr faz deles brincadores mais saudáveis e felizes. Sempre sob o olhar atento dos Guardiões Teresa, Dinis, Susana e Carolina!

 

GRUPO COMUNITÁRIO DO JARDIM DA VÁRZEA, Pombal | SÁBADOS

Vrrrr.vrrr… Pombal já é uma verdadeira Embaixada do Brincar. O Grupo Comunitário do Jardim da Várzea está prestes a arrancar e as nossas Guardiãs do Brincar querem começar a entregar horas de brincadeira, sorrisos e felicidade em setembro (2019). Há por aí Brincadores a quererem juntar-se à Marie Muriel, à Susana, à Sandra e à Raquel e brincar ao ar livre? Juntos ajudamos as crianças a crescerem de forma mais feliz e saudável.

 

GRUPO COMUNITÁRIO PARQUE RADICAL DE SÃO ROMÃO, Leiria | TERÇAS

Leiria já tinha um Grupo Comunitário do Brincar a acontecer em Santa Clara. Mas não chega. A Joana Serrado, a Daniela Pereira e a Ivânia Soares Pombal decidiram tomar o Parque Radical de São Romão e deixar os pequenos Brincadores serem felizes a brincar ao sabor da sua imaginação. Com muita vontade de começar já, a Joana, a Daniela e Ivânia só esperam por inscrições de Brincadores. Vamos a isso, pais? Há por aí Brincadores a precisarem de estar em contacto com a natureza, descobrir os limites e experimentar novas brincadeiras?

 

GRUPO COMUNITÁRIO PENHA DE FRANÇA, Lisboa | SÁBADOS

Com o projeto Brincapé, em que unimos forças com a Associação Portuguesa de Segurança Infantil (APSI) e o Macaquinho do Chinês, é possível agora às crianças que vivem na Penha de França brincarem ao que quiserem na rua e fazerem amigos no bairro. Os Guardiões André, Adriana, Sílvia e Rita estão recrutados e formados prontinhos para entregar sorrisos e brincadeiras na Penha de França, agora é só esperar que os pais queiram trazer os pequenos Brincadores porque, afinal, o bairro é feito de crianças, não é só para os prédios e carros. Para além da Penha de França, este projeto permite a criação de outros grupos noutras duas zonas de intervenção de Lisboa:  São Vicente e Santa Maria Maior. Só estamos a aguardar ansiosamente para que os Guardiões do Brincar e pequenos Brincadores destes 2 locais se juntem a nós para começarmos a brincar. Contamos contigo?

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Share This

Copy Link to Clipboard

Copy